As Estréias de Helen Rödel

19 04 2010

Helen Rödel é uma expoente estilista gaúcha que desde 2007  começou  a chamar minha atenção com seu trabalho à frente da marca Rödel LA ( Latin America), baseado principalmente em peças criadas com a técnica artesanal do crochet e em outras tramas como tricot e malharia retilínia, que eram vendidas pela internet. A marca, que começou em parceria com Gulherme Thofhern, consegue aliar o trabalho manual “antigo” do crochet com uma imagem muito contemporânea, e isso é muito particular.

Entre 2009 e 2010, Helen Rödel fez três “estréias” (vou chamar assim) que mostram que a carreira da estilista está no caminho certo. A primeira grande estréia da estilista foi internacional. Em setembro de 2009 aconteceu a semana de moda da Islândia, que reúne jovens estilistas do mundo todo, e Helen foi a única latino-americana presente, mostrando um conjunto de sua trajetória na passarela. Em 6 meses, o nome de Helen chegou no SPFW em sua segunda “estréia”, através de um projeto em parceria com a 2nd Floor onde a estilista confeccionou máscaras de crochet para o desfile de Inverno 2010 da segunda-marca da Ellus. Só agora é a estilista fez uma “estréia” mesmo, desfilando dentro do evento Donna Fashion Iguatemi de Porto Alegre, onde Helen mostrou para o público gaúcho que é uma representante de peso para a moda da região. Espero ainda escutar muito esse nome, e que ele desde já fique direto no calendário de desfiles de Porto Alegre.

Deixo vocês com fotos das primeiras “estréias” de Helen Rödel e um vídeo compacto do desfile que aconteceu na semana passada…

Vídeos do VodPod não estão mais disponíveis.

Desfile Donna Fashion Iguatemi – Abril 2010

Fotos feitas na Islândia por Eduardo Carneiro, que acompanhou a estilista em sua passagem pela Island Fashion Week (2009).

Máscaras criadas para desfile da 2nd Floor durante SPFW Inverno 2010.

Fotos: Site Helen Rödel

Anúncios




Gostosas Coincidências: Casulo de Tricô

28 01 2010

Essa não só uma gostosa coincidência, como parece também aconchegante. Nos dias de muito frio (se é que isso existe fora do sul do país), bom mesmo seria entrar num casulo de tricô e não sair mais. Por isso Osklen (foto 01) e Fábia Bercseck (foto 02) trouxeram nesta edição do SPFW dois casulos que fazem até um casalzinho, o masculino mais sóbrio (e com bolsos) e o feminino, tipo poncho,  mais curtinho e com franjas na barra. Mas atenção: não recomendamos esse tipo de peça para claustrofóbicos.

Fotos: Portal FFW