Estampas do Verão 2010 – SPFW

25 08 2009

Há alguns meses o Dashboard do WordPress vêm mostrando que um dos itens mais acessados desse blog querido é o post sobre as estampas para o verão que apareceram no FashionRio, por isso decidi fazer agora, para os estilistas/pesquisadores/curiosos de plantão, um apanhado das estampas-destaques da São Paulo Fashion Week.

(Queria aprender a escrever assim/tudo/com/barra como a Regina Guerreiro, mas deixa pra lá…hehehe)

—-

NeonPriscila DaroltMaria Garcia - SPFWV.Rom

Floral Artsy

Na sequência: Neon, V.Rom, Priscila Darolt e Maria Garcia

Que estampa floral tem tudo a ver com verão não é novidade, mas é buscando um pouco de novidade que a estampa floral agora têm que ter um toque artsy, ou seja, vale fugir dos padrões clássicos e apostar em referências que lembrem pinturas artísticas, colagens e até traços mais computadorizados.

—–

IodiceAnimale 2Reserva Isabela Capeto

De Bicho

Na sequência: Iódice, Animale, Reserva e Isabela Capeto

Ok, ok, muita gente adora uma oncinha pra sair “selvagem” por aí, mas como o SPFW é lugar de marcas mais “apuradas”, a estampa de bicho por aqui é editada, misturando texturas, tamanhos e criando referências que chegam até a moda masculina. Pra quem não quer usar a estampa de bicho, vale também desenhar o próprio bicho, assim não precisa sair de “oncinha” por aí.

—–

Cori EllusFabia BercsekIsabela Capeto

Manchado-Raspado-1001-Brushs

Na sequência: Cori, Ellus, Fábia Bercsek e Isabela Capeto

Pelo que vimos na passarelas, estampa abstrata é uma coisa que vai chegar com força nas araras, e tudo gira em torno de manchas e pinceladas. Com os milhares de brushs existentes nos programas de criação de imagem, não é de se estranhar que as marcas da SPFW apresentaram estampas bem diferentes, nos tons e tipo/sobreposição de manchas, mas todas passeando por essa idéia. Esqueça pinguinhos e efeito tye-die, por que as estampas desse verão são muito mais do que isso.

——–

Andre LimaReservaMovimentouMa

Grafismos

Na sequência: André Lima, Reserva, Movimento e Uma.

As estampas gráficas – leia-se listras e traços geométricos – vêm a cada edição ganhando novas leituras e composições. Nesse verão, vale misturar várias listras, direções e cores e até trabalhar os traços retos com uma pegada étnica, mas se você ainda prefere traços finos e mais delicados, o segredo é trabalhar com várias camadas, criando “volumes-gráficos”.

——–

Estampas que valem uma nota própria

Aqui, três estampas marcantes dessa temporada, seja pela originalidade, seja pelo simples fato de fugirem do lugar comum.

Ronaldo Fraga

Os anúncios de putas e garotos de programa latinos de Ronaldo Fraga.

—–

Erika Ikezili

As bailarinas de Erika Ikezili.

———

osklen

A estampa floral de confetes da Osklen, aqui em tecido rendado.

———–

Fotos: Agência Fotosite / Portal SPFW





ZigueZague: Pensar a moda no SPFW

3 06 2009

Acontece durante e depois do São Paulo Fashion Week o seminário Ziguezague, com programação de oficinas e conversas “tranversais” discutindo moda e arte, além da exibição de desfiles incríveis comentados pelos próprios criadores. Essa ano participam  os estilistas/designers Rita Wainer (com uma oficina para crianças), Ronaldo Fraga, Alexandre Herchcovitch, Mana Bernardes, e pesquisadores como a querida Joana Sales, falando sobre sua dissertação no Mestrado em Moda, Cultura e Arte (o mesmo que eu faço).

Vale a pena participar de alguma coisa! Com certeza!

FlyerZZ_6_Frente

 

Flyer_ZZ_6_versofinal





São Paulo Fashion Week:O Velho e o Novo

26 01 2009

(Este post está sendo escrito novamente, o WordPress bugou e eu perdi tudo)

 

A São Paulo Fashion Week começou (e já acabou). Foi uma semana de coleções cinzentas como a paulicéia que fez aniversário ontem, e apesar da temática do evento ser ‘brasileirismos’, com direito a exposição sobre Carmen Miranda (odeio estar longe), outra inspirada no ícone ‘smile’ (não entendi muito) e boléias de caminhão decorando os corredores, muitos estilista preferiram ir a Berlim, Holanda, Rússia e Escandinávia, tornando tudo mais brasileiro-miscigenado ainda.

Durante toda a semana eu fiquei pensando muito sobre um assunto: a questão do ‘velho’ e do ‘novo’ no mundo da moda. Primeiro começando por esses elementos de brasilidade que ainda dão muito caldo, como citou o Chiqueiro Chique (no Flickr da Marina também têm algumas fotos), fazendo nossa imagem de Brasil pelo mundo.

Durante o segundo dia, foi Ronaldo Fraga que nos fez pensar escalando para sua coleção apenas idosos acima de 70 anos e crianças pequenas pra falar sobre o tempo, sobre a imagem de corpo e idade que o mercado constrói incalsavelmente, sobre o efêmero da vida como um risco de giz. Foi um novo ‘olhar’ do estilista para o mundo da moda.

Ronaldo Fraga Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brRonaldo Fraga Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brRonaldo Fraga Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brRonaldo Fraga Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.br

Ainda no segundo dia, Alexandra Farah (do FilmeFashion) fez uma coluna para o IG com o título “fast-fashion dá lugar ao slow-fashion“. A matéria foi instigada por um texto do NY Times que fala como as ‘modas’ andam demorando muito pra mudar. Os óculos brancos, os paetês, as tachas… tudo já anda por aí há muito tempo, e parecem que ainda vão durar mais ainda. Será que nesses tempos de ‘banda larga’ não somos nós que andamos com pressa demais? Bom, o que nos resta é ver os paetês deformados de Alexandre Herchcovitch (e em versão mais clássica por Wilson Ranieri); além  das franjas à gaucha da Forum Tufi Duek e o efeito “franjado” da Osklen.

Herchcovitch Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brWilson Ranieri - Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brForum Tufi Duek  Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brOsklen Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.br

Dessa forma, pensando nesse velho/novo que caracteriza a moda e ‘assombra’ alguns estilistas, influenciando no ‘tal dna da marca’ (como no post aí embaixo), foi no terceiro dia do SPFW que o melhor lado dessa história deu as caras. Foi a Huis Clos, que em tempos de calças fofas-largas e macacões quadrados em tudo que é desfile (e isso é a cara da marca), surpreendeu e trouxe pelas mãos de Sara Kawasaki a coleção mais sexy e refinada da semana, mostrando como nada é mais gostoso do que renovar o repertório de vez em quando. Quem diria, a Huis Clos têm a calça skinny e o mini-tomara-que-caia mais elegantes da estação.

Huis Clos Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brHuis Clos Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brHuis Clos Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.brHuis Clos Inverno 2009 - Foto Charles Naseh - chic.com.br